> Home > Catálogo<<Voltar
Mudar o tamanho da letra    
histo.jpg

Sete histórias para contar
Autor: 
Edição: 2ª Edição
Formato: Impresso
Ilustração: Ana Terra
Faixa etária: A partir de 07 anos
Indicação: 2º Ano (EF1), 3º Ano (EF1), 4º Ano (EF1)
Área: Ficção
Assunto: Contos, Humor
Dimensões do produto: 20 x 26
Número de páginas: 48
ISBN: 9788516085377
Código do produto: 12085377

Leitura indicada para:

Buriti Plus

Disciplina: Português (Buriti Plus)

Volume/Ano: 3º Ano

Unidade/Capítulo: Unidade 03

Disciplina: Português (Buriti Plus)

Volume/Ano: 4º Ano

Unidade/Capítulo: Unidade 07

Projeto Buriti

Disciplina: Geografia (Buriti 3a edição)

Volume/Ano: 2º Ano

Unidade/Capítulo: Unidade 2

Disciplina: Português (Buriti 3a edição)

Volume/Ano: 2º Ano

Unidade/Capítulo: Unidade 3

Disciplina: Português (Buriti 3a edição)

Volume/Ano: 4º Ano

Unidade/Capítulo: Unidade 3

Disciplina: Português (Buriti 4º edição)

Volume/Ano: 2º Ano

Unidade/Capítulo: Unidade 03

Disciplina: Português (Buriti 4º edição)

Volume/Ano: 4º Ano

Unidade/Capítulo: Unidade 03

Projeto Buriti 4ª edição

Disciplina: Português (Buriti 4º edição)

Volume/Ano: 2º Ano

Unidade/Capítulo: Unidade 03

Disciplina: Português (Buriti 4º edição)

Volume/Ano: 4º Ano

Unidade/Capítulo: Unidade 03

Projeto Presente 4ª Edição

Disciplina: Geografia (Presente 4ed)

Volume/Ano: 2º Ano

Unidade/Capítulo: Unidade 01

Preço sugerido: R$ 53,00
Imagem em alta resolução
Projeto de Leitura - Material para o professor
Release
Envie por e-mail
Imprimir
Sobre a obra

Era uma vez... uma menina que só pensava em daqui a pouco; um piolho que gostava de filosofia; uma menina que sentia uma dor azul; outra que gostava de qualquer coisa; um menino que achava errado o antes e o depois não se encontrarem nunca; uns pais que um dia resolveram fazer tudo ao contrário; uma menina que tinha uma grande amiga... invisível.

Como nos demais livros de Adriana Falcão, este também traz personagens incríveis. Para ler, rir e pensar.

Sobre o autor
Adriana Falcão
Adriana Falcão nasceu no Rio de Janeiro, em 1960, mas passou boa parte de sua vida em Recife, onde se formou em arquitetura. Adriana nunca exerceu a profissão, mas com certeza usa suas habilidades arquitetônicas para criar as rocambolescas estruturas de suas histórias, sempre muito divertidas e influenciadas pelo folclore nordestino.

 
Você pode se interessar por
 
© Editora Moderna 2013. Todos os direitos reservados.